Soneto : Propiciação (Paulo Braga Silveira Junior)

Soneto : Propiciação (Paulo Braga Silveira Junior)

Soneto : Propiciação (Paulo Braga Silveira Junior)

Nós pouco conhecemos sobre o Amor!
Nos confundimos pelo sentimento
que o ego nos produz, todo momento,
pra sobre os outros se fazer impor.

Se ponha, pois, a este padrão atento
e julgue em liberdade e sem temor
se é fato ou não que é bem usurpador
chamar de amor a afeto tão ciumento.

“Meu” filho, “minha” amada, “meu” tesão,
tal como propriedade fosse, então…
Amar é mais renúncia e sacrifício…

Amor levou à cruz Nosso Senhor
que, olhando a todos nós e eu, pecador,
de tanto amar-nos, lá nos foi propício!…

Outros Sonetos

Puro

O Bem e o Mal

Soluços

Total

Erro

Nua

3 Comentários

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: